Home / Natucap Hair / Dicas para manter saúde no Inverno
Inverno

Dicas para manter saúde no Inverno

Dicas para manter saúde no Inverno

Dicas para manter saúde no Inverno

Você já pensou que as estações do ano podem definir nossos hábitos diários? Afinal, podemos sofrer consequências bastante desagradáveis se nos descuidarmos. Assim, se no verão nossa pele deve ficar ainda mais protegida dos raios do sol, no inverno ela precisa ser mantida mais hidratada para não ressecar.

Mas os cuidados com o corpo no inverno não param por aí, por isso, listamos aqui algumas dicas para manter a saúde nessa estação. Nossas sugestões privilegiam a saúde, mas não tiram o seu prazer e a necessidade de hábitos reconfortantes na estação mais fria e seca do ano.

1. Cuidados com a hidratação do corpo no inverno

Comece sua rotina de atenção com o corpo bebendo bastante água. Suamos menos no frio, portanto, é comum não sentir muita sede.

Mas mesmo assim, não devemos deixar de tomar, pelo menos, 2 litros de água por dia, pois a hidratação de todo o corpo vem de dentro para fora.

2. Atenção com a saúde da pele

Protetor solar

É muito comum esquecer de passar o protetor solar nos dias frios e sem sol. Mas essa é uma atitude perigosa, porque os raios UV estão sempre presentes, mesmo em dias nublados.

No rosto, ele deve ser aplicado antes da maquiagem. E não se esqueça de passar no pescoço, no colo e também nas mãos.

Temperatura do banho

Os banhos muito quentes são irresistíveis. E no inverno, a tendência é prolongá-los, prejudicando a pele e os cabelos.

Lavar o corpo com água quente durante muito tempo remove a camada protetora de gordura da pele, deixando-a bastante ressecada.

Por isso, resista à tentação e deixe a temperatura da água em uma temperatura mais morna.

Cremes hidratantes

Mesmo que várias partes do corpo não fiquem à mostra, os hidratantes são imprescindíveis para a pele não ressecar. Isso porque o vento frio e seco e o banho mais quente a desidratam.

Nos dias muito frios — quando o toque gelado dos cremes incomoda — use hidratantes para banho, como óleos e cremes com enxágue. Mas nos outros dias não fuja dos hidratantes tradicionais.

Prefira aqueles com ativos, como ácido hialurônico e lático, ureia (proibida na gravidez), óleos de amêndoas ou uva, vitamina E, aveia, silicone, extratos de calêndula e camomila. Eles repõem e retêm a água, impedindo a desidratação.

A hidratação é imprescindível no rosto, pois a pele exposta ao frio descama e fica muito sensível a agentes externos. Os lábios são ainda mais sensíveis ao clima do inverno. Use manteiga de cacau, protetor solar e hidratante labial.

Lembre-se de sempre optar por produtos indicados para o seu tipo de pele e de aplicar o hidratante duas vezes por dia.

Por fim, prefira roupas de algodão, pois grande parte do seu corpo ficará coberto e esses tecidos não causam alergias e são confortáveis.
Outros cuidados

Outono e inverno pedem uma esfoliação caprichada semanalmente, pois ela elimina as células mortas da pele, auxiliando na penetração dos cosméticos.

Ao escolher o sabonete para sua família, verifique o nível de pH, que deve ser em torno de 5,5 — valor próximo ao pH da pele. Além disso, opte por sabonetes que contenham hidratantes na formulação.

3. Cuidados com a beleza dos cabelos

Temperatura do banho

Como vimos, a água muito quente resseca os cabelos. As consequências são fios fracos e opacos e caspa. Madeixas assim dão trabalho para serem domadas e ficarem bonitas para enfrentarem a rotina agitada de manter a aparência sempre bela.

No couro cabeludo, o resultado de tanta quentura é o aumento da oleosidade, elevando o risco de seborreia.

Cremes capilares

Invista em condicionadores e máscaras capilares com ativos hidratantes e nutritivos, como manteiga de karitè, ceramidas, elastina e glicerina. Hidrate os cabelos semanalmente, ainda que você os lave menos vezes.

Mantenha dentro da bolsa um leave-in com óleo de argan ou um reparador de pontas com silicone para aplicar nos fios durante o dia, mas apenas se eles ficarem rebeldes.

4. Atenção com a alimentação no inverno

Não é por acaso que a fome aumenta nos dias frios. Isso acontece porque o corpo foi programado a acreditar que deve comer mais para manter a temperatura corporal estável.

Mais do que o receio de engordar, cuidar da alimentação no inverno nos mantém afastados de situações como hipertensão, obesidade e problemas cardiovasculares.

Mas não é preciso abandonar as delícias da estação fria (que ainda coincide com as iguarias das festas juninas) — confira sugestões para torná-las menos calóricas e mais saudáveis.

Sopas

Nas sopas, corte calorias e aposte no sabor. Em vez de encher a panela com batatas, acrescente também cenoura, abóboras ou inhame. Abuse das verduras como espinafre, escarola e couve, além de brócolis e couve-flor.

Faça as sopas com peito de frango ou carnes vermelhas mais magras, como o patinho e o coxão duro — este último dá um sabor incrível ao caldo.

Chocolate quente

Há quem não dispense essa delícia pela manhã, à tarde e também antes de dormir, mas esse hábito faz os números da balança aumentarem.

Para não se frustrar e descontar na comida, tome essa bebida reconfortante apostando nas versões magras com leite desnatado, adoçante e chocolate em pó com pouco (ou sem) açúcar.

Mas se estiver precisando perder peso, alterne o chocolate quente com chá (com adoçante ou puro mesmo).

Massas

As massas são naturalmente muito calóricas por serem carboidratos. Para equilibrar o prato, aposte no molho de tomate ao sugo ou com carne moída magra e manjericão e fuja dos molhos brancos, sempre cheios de farinhas e queijos gordos.

Cereais

Invista em pães, massas e arroz integrais. Além de muito mais nutritivos, eles são ricos em fibras, por isso matam a fome mais rápido. Aveia, farelo de trigo e granola também entram nessa lista.

Mas como a aveia é muito calórica, embora bastante saudável, consuma moderadamente.

Bebidas

Ao escolher o que beber, aproveite que está friozinho para tomar chás, sempre menos calóricos do que sucos e refrigerantes. Chá verde, de camomila, hortelã e de casca de abacaxi vão bem até durante as refeições, por serem digestivos.

Sobremesa

Resistir à tentação dos doces açucarados e gordurosos no inverno é quase impossível? Não os abandone, mas deixe para degustá-los apenas uma ou duas vezes na semana e em porções pequenas — como um bombom, por exemplo.

Nos outros dias, prefira sobremesas à base de frutas aquecidas, como maçã ou banana com canela.

5. Atitudes para não abandonar os exercícios no inverno

Nos dias frios é muito difícil malhar, não é mesmo? Mas não precisa ser assim. Espantar a preguiça não é tão difícil, ela vai embora logo nos primeiros minutos do treino, pois seu organismo começa a liberar substâncias que deixam o corpo em alerta.

A dica é começar a fazer o alongamento e o aquecimento no conforto do seu lar e só depois sair para caminhar, correr ou ir à academia.

Nos dias em que a preguiça for mais forte, não se culpe. Faça exercícios em casa mesmo. Pule corda, dance, suba e desça escadas.

Entre em nosso site e conheça nossos produtos que ajudarão na hidratação do rosto e proteger os cabelos contra os impactos da estação.

Leia também...

esportes-inverno-1

Exercícios físicos no frio

Exercícios físicos no frio Exercícios físicos no frio Só porque o frio chegou, não é …

açucar

Riscos do consumo exagerado de açúcar

Riscos do consumo exagerado de açúcar Riscos do consumo exagerado de açúcar Os riscos do …

tempo seco

Tempo Seco Agravam as Doenças de Inverno

Tempo Seco Agravam as Doenças de Inverno Tempo Seco Agravam as Doenças de Inverno No …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *